Em formação

Cuidados de babá: visão geral

Cuidados de babá: visão geral

Se preferir que uma creche seja procurada em vez de entregar seu filho à creche domiciliar ou à creche todas as manhãs, uma babá pode ser uma boa opção para você. Muitos pais também gostam da atenção individual para seus filhos e da liberdade de supervisionar tudo, desde a hora da soneca até os lanches que acompanham a contratação de uma babá.

Algumas babás até têm treinamento especializado ou experiência em cuidar de recém-nascidos, múltiplos, ou em ajudar bebês e crianças a desenvolver bons hábitos de sono.

Todo esse cuidado e nutrição têm um preço, é claro. Provavelmente, você terá que pagar a uma babá mais do que os custos de uma creche, mas muitos pais estão dispostos e são capazes de arcar com os custos. De acordo com a International Nanny Association, cerca de 1 milhão de babás trabalham nos Estados Unidos.

O que dizem os especialistas?

Os especialistas que defendem os cuidados individuais tendem a preferir os cuidados de babá porque eles fornecem a atenção concentrada que é especialmente importante para bebês. Mas um estudo do Instituto Nacional de Saúde Infantil e Desenvolvimento Humano sugere que, quando se trata de cuidados infantis, o que importa mais é o qualidade de cuidado, não o tipo.

Se você tem uma babá que não é apenas experiente, confiável e responsiva, mas também entende e nutre as necessidades emocionais e de desenvolvimento de seu filho, então você tem um esquema de creche que está muito próximo do ideal. E se você suplementar os cuidados da babá com encontros para brincar ou outras oportunidades sociais, terá uma situação que crescerá com seu filho.

Às vezes, porém, pode ser difícil avaliar sua babá porque você não está lá para monitorá-la. (Para obter ajuda, veja os sinais de uma boa babá.) Se você não tem certeza de que sua babá está fazendo um trabalho excelente, considere encontrar outra pessoa ou procurar uma creche de alta qualidade.

Principais perguntas sobre cuidados de babá

  • A babá é licenciada?
  • Quais são as vantagens e desvantagens?
  • Como faço para encontrar uma babá?
  • Quais são os sinais de uma boa babá?
  • Quais são os sinais de uma babá ruim?
  • Como faço o relacionamento funcionar?

O resultado final

Embora a ideia de ter alguém para cuidar de seu filho em sua casa pareça o arranjo perfeito, é preciso algum esforço para encontrar e manter uma boa babá. Ser um bom empregador é importante se você quiser que ela fique.

Há também questões legais a serem consideradas ao contratar uma babá. Mas se você não se incomodar com a outra papelada envolvida na contratação de uma babá e estiver disposto a investir tempo na construção e manutenção de um relacionamento forte com ela, pode ser uma ótima opção para você e sua família.


Assista o vídeo: Aula 16 - Os cuidados com o recém-nascido (Outubro 2021).